Seguidores

terça-feira, 21 de dezembro de 2010

O CAMINHO DAS PEDRAS




São as pequenas pedras que tanto nos incomodam. Ninguém perde seu tempo, ou sua energia física e emocional diante de uma pedreira, pois é algo sabidamente intransponível.
Dentro da cultura judaica existe um ensino precioso: “Aquilo que não podemos mudar, simplesmente deixemos de lado”. O que machuca, o que maltrata, são as tantas e tão valorizadas pedrinhas.
Sabemos que elas machucam. E como... Basta caminhar na areia da praia junto à água do mar. Como é prazerosa a caminhada até que nossos calcanhares comecem a sentir aquela dor fininha e penetrante...
No nosso dia-a-dia não é diferente. Temos que saber enfrentar essas pedrinhas que teimam em nos desafiar. Temos que enfrentá-las de frente. Temos que encarar nossos problemas de frente e nada de ficar adiando coisa alguma, pois, a pedrinha de hoje pode se transformar naquele paredão de amanhã.
Encare as pedrinhas como elas são: pedrinhas. Não as supervalorize. Elas não passam de meras pedrinhas.

Emir Tavares

Ler mais: http://www.luso-poemas.net/modules/news/article.php?storyid=101777#ixzz18kY068go

2 comentários:

lis disse...

Verdade mesmo. Pedrinhas encomodam tanto... mas se não tivéssemos nenhuma no nosso caminho, sentiríamos falta delas com certeza.
Beijos.

Claúdia Luz disse...

Boa noite Marlene !!

Passei para dar um beijo !!

Linda noite !!

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...