Seguidores

terça-feira, 24 de julho de 2012

SONETO DO AMIGO



SONETO DO AMIGO

 amigo

Enfim, depois de tanto erro passado
Tantas retaliações, tanto perigo
Eis que ressurge noutro o velho amigo
Nunca perdido, sempre reencontrado.

É bom sentá-lo novamente ao lado
Com olhos que contêm o olhar antigo
Sempre comigo um pouco atribulado
E como sempre singular comigo.

Um bicho igual a mim, simples e humano
Sabendo se mover e comover
E a disfarçar com o meu próprio engano.

O amigo: um ser que a vida não explica
Que só se vai ao ver outro nascer
E o espelho de minha alma multiplica...
Vinicius de Moraes

Postado por Marlene

fontewww.blogger.com

6 comentários:

Everson Russo disse...

O amigo é um ser iluminado...divino,,,riqueza de alma...beijos de boa semana pra ti amiga...

edumanes disse...

Teus lindos olhos a brilhar
Serenos como teus lábios carnudos
Com eles me encantar
Castanhos, verdes, azul ou escuros!

Soneto do amigo
Muito lindo ser
Não posso estar contigo
Mas linda te posso ver!

Boa terça-feira para você, amiga Marlene,
um beijo
Eduardo.

Malu disse...

Tão belo, Marlene!!!
Um grande abraço cheio de amizade!!!

Patrícia Pinna disse...

Boa tarde, Marlene. Amigo é fundamental na vida de qualquer pessoa.
Penso que eles precisam ser fiéis e que qualquer problema será resolvido sem apagar o brilho da sinceridade tão rara hoje em dia.
Amigos que chegam não devem ofuscar o que já existem e sim aumentar a lista grossa!
Beijos na alma, e fique na paz!

Arnoldo Pimentel disse...

Uma linda homenagem ao amigo.Parabéns.

Severa Cabral(escritora) disse...

Boa noite minha querida !!!!!
Homenagem ao amigo deixa a alma desse amigo mais leve,pronta para o abraço...
bjs de boa noite !!!!!

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...