Seguidores

domingo, 16 de março de 2014

O AMOR

O amor, quando se revela, Não se sabe revelar. Sabe bem olhar p'ra ela, Mas não lhe sabe falar. Quem quer dizer o que sente Não sabe o que há de *dizer. Fala: parece que mente Cala: parece esquecer Ah, mas se ela adivinhasse, Se pudesse ouvir o olhar, E se um olhar lhe bastasse Pr'a saber que a estão a amar! Mas quem sente muito, cala; Quem quer dizer quanto sente Fica sem alma nem fala, Fica só, inteiramente! Mas se isto puder contar-lhe O que não lhe ouso contar, Já não terei que falar-lhe Porque lhe estou a falar.. >

6 comentários:

✿ chica disse...

Muito linda! Um domingo e semana de muiiiito amor!bjs,chica

Tunin disse...

Um sentimento que brotou da tua alma, minha amiga. Muito bonito e gostoso de se ler. Parece uma canção.
Obrigado pelas palavras deixadas lá no blog.
Abração.

Anne Lieri disse...

Ai, que poema mais lindo,Marlene! Parece uma cançaõ! bjs e boa semana,

Evanir disse...

A sempre uma esperança de dias melhores em nossas vidas
no entanto se não tiver fé nada seremos.
A sempre uma esperança mesmo quando semeamos paz por onde
passamos .
A sempre um futuro melhor e mais feliz
quando a humanidade entender que só o amor é capaz de
transformar o mundo.
Com carinho venho desejar uma abençoada semana
beijos no coração carinho na sua alma.
Evanir.
Obrigada por fazer parte da morada
que existe no meu coração.

Élys disse...

Muito lindo! Parece um belo canto de amor.
Beijos,
Élys.

Toninho disse...

Lindo Marlene com traços de Casimiro.
Gostei da criatividade e sentimento entregue na construção.
Uma linda semana a voce com meu terno abraço de muita paz e luz.
Beijo de paz neste lindo coração.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...