Seguidores

domingo, 16 de outubro de 2011

EU QUERO ESQUECER








Eu quero esquecer
Marilena Basso


Eu quero esquecer
A sua passagem turbulenta
Pela minha vida:
As mágoas profundas
Choradas e decantadas
Que me levaram
À beira do abismo,
Do desespero, da quase loucura.
Como dói recordar
O seu procedimento torpe
Traindo minha confiança.
Quantas noites mal dormidas,
Esperando a porta de entrada bater
Para anunciar a sua chegada
Depois de uma noitada
Em uma mesa de jogo.

Mesmo com horror à situação,
Tentei de todas as formas
Chamá-lo ao uso da razão.
Você preferiu a companhia
Da Dama de Ouro,
Com seu estranho fascínio,
Deitada sobre um tapete verde,
Sob a meia-luz obscura
Daquela espelunca de perdição.
Acho que até tentei demais...
Você nem merecia tal consideração!
Percebi a tempo que,
Se continuasse tentando,
Forçosamente, afundaria com você:
Preferi bater em retirada.

Só,
Contando com minhas forças,
Usando apenas o suor do meu rosto.
Construí um novo ninho
Para abrigar nossos filhos,
Que agora são mais meus do que seus.
Por eles me entristeço,
Pois, nem o modelo de um pai,
Poderão reter na memória.
Eu quero esquecer...
Quero virar esta página
Do livro da minha vida.
A próxima será escrita com
Esperanças de dias lindos,
Satisfação de vencer pelos
Meus próprios méritos.
Quero ter o direito
De amar de ser amada,
Quero ser feliz e sorrir,
Quem sabe até gargalhar,
Se por acaso eu tiver que lembrar
Que foi a sua incompetência
Que me fez ser
"Gente por excelência".


Taquaritinga 01/07/04
  

SITE CANTINHO DA LENA 
POSTADO POR MARLENE DE GOES 

7 comentários:

Antonio Rubilar B. Valente disse...

Bom dia amiga!!!
Lindo o seu cantinho poético.Parabéns!!!Com certeza o romantismo não morreu e a gente que tem essa sensibilidade na veia, acabamos nos tornando "diferentes" daquelas pessoas que se embrutecem e acham que poesia não tem mas vez.Estou seguindo você.Se for possível,visite o meu blog tb.
BRASIL DÁ PENA
www.valentebrasil.blogspot.com.
Um ótimo domingo!!
Abração, Rubi Valente.

O Universo dos Pensamentos disse...

Boa tarde, bom domingo,

Infelizmente, qdo a gente quer esquecer algo, é porque não sai das nossas lembranças, mas tudo tem seu tempo.

Bjos

Maria disse...

Como sempre minha amiga uma escolha excelente, um poema lindo. Por vezes por mais que se queira esquecer isso não é possivel.

deixei no meu cantinho “SELINHOS – Presentes dos AMIGOS” - Amigo deixei no meu cantinho “SELINHOS – Presentes dos AMIGOS” http://maria-selinhos-presentesdosamigos.blogspot.com/2011/10/selo-de-qualidade-este-blog-e.html
- um miminho especial é o “Selo de Qualidade - Este Blog é Recomendadissimo” o seu cantinho merece pois é um espaço onde a qualidade e o bom gosto estão sempre presentes em todos os posts.

Bom domingo
Beijinhos
Maria

Paulo Francisco disse...

Este poema tem uma quantidade enorme de informações. Muito bom.
Um beijo grande

Patrícia Pinna disse...

Boa tarde, Marlene. Um poema muito bonito, que nos conduz aos diversos pensamentos, de tristeza, ajuda, cumplicidade, coperação, angústia, desespero, desrespeito, dentre muitos, mas o principal, na minha opinião, é a SUPERAÇÃO, onde tudo foi recomeçado para reiniciar uma vida feliz!
Um beijo, e fique com Deus!
Tenha uma excelente semana!

ana costa disse...

Sua poesia está linda! Triste e sofredora, mas também com uma força muito especial.
Vou ficar por aqui para ir lendo mais um pouco...

ValeriaC disse...

Bela escolha minha querida...sempre triste quando vemos que tem pessoas que não sabem dar valor no que tem, na família em especial e se perdem pela vida. Mas vejo esperança de dias melhores...e isso é sempre bom...beijinhos e feliz semana amiga...
Valéria

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...